Lembra-se do Toyota Land Cruiser Série 70? Já acabou… mas ainda é vendido!

sexta-feira, 24 de abril de 2020 Turbo Turbo Turbo

Modelo com uma ligação umbilical a Portugal, o Toyota Land Cruiser foi apresentado ao mundo em 1951 e, ainda hoje, continua sendo o modelo da marca nipónica em comercialização há mais tempo. Infelizmente, já o mesmo não acontece com a icónica Série 70, “desaparecido” em 2004… ou será que não?

Concebido como uma variante da família Land Cruiser com características de veículo de trabalho, adaptado à condução fora de estrada, o Toyota Land Cruiser 70 começou a ser comercializado, no Japão, em 1984. Para se despedir, oficialmente e enquanto proposta disponibilizada numa base regular, dos clientes, em 2004.

No entanto, a verdade é que o Land Cruiser Série 70 não acabou, verdadeiramente. O modelo continua a ser produzido, e comercializado,  em alguns mercados do mundo, onde, por sinal, os hoje em dia tão populares SUV, não chegam.

Entre estes mercados está, por exemplo, a África do Sul. Mercado onde ainda hoje se comercializa uma edição especial deste Série 70, denominada Toyota Land Cruiser 79 4.5D V8 D/C Namib.

A par desta versão sul-africana, existe ainda uma outra derivação, comercializada mais para a Oriente, ou seja, nos Emirados Árabes Unidos.  E que, embora com uma dianteira ligeiramente modificada, faróis de halogénio e a possibilidade de ser encomendado numa de duas versões – três portas ou pick-up -, não deixa de ser uma evolução do mesmo Série 70.

É só escolher: a gasolina e Diesel

Quanto a diferenças entre estes resistentes, estas residem, essencialmente, no motor. Que, no caso do Land Cruiser comercializado também na África do Sul, traduz-se num V8 turbodiesel de 4,5 litros de cilindrada, a debitar 205cv de potência e um binário máximo de 430 Nm.

Já a variante pick-up disponível nos Emirados Árabes Unidos (EAU), e que recebe a designação LC, aposta num motor V6 a gasolina de 4,0 litros de cilindrada, a anunciar 231 cv de potência e 363 Nm de binário. Neste caso, conjugado com uma transmissão manual de cinco velocidades.

FJ Cruiser também continua vivo… nos EAU

Aliás e ainda no mesmo país asiático, a Toyota continua a comercializar o FJ Cruiser, outro dos todo-o-terreno puros do construtor asiático, que a Europa e as suas leis anti-emissões, acabaram por expulsar.

Equipado com uma variante melhorada do mesmo V6 4.0 a gasolina, com 273 cv e 380 Nm de binário, o Toyota FJ Cruiser mantém, como caixa de velocidades, a transmissão manual de cinco velocidades.

Este website usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao navegar no site está a consentir a sua utilização. Fechar ou Saber Mais